Orçamento de 2021 pode provocar “shutdown” na economia brasileira

Economia 29 de Mar de 2021

Foto: Infomoney

O ministro da Economia, Paulo Guedes, avisou o presidente Jair Bolsonaro que o Orçamento de 2021 ficará “inexequível” com as manobras contábeis aprovadas pelo Congresso para acomodar o festival de emendas parlamentares. Cálculos da equipe econômica feitos nesta sexta-feira, 25, mostram que a máquina do governo teria que funcionar com apenas R$ 49,5 bilhões até o final do ano – praticamente a metade do que os especialistas consideram o patamar mínimo para não ter uma paralisação.

Esse é o espaço que sobrará para gastar depois do contingenciamento de despesas que terá que ser feito para o cumprimento do teto de gasto (a regra que limita o crescimento das despesas à variação da inflação).

São as despesas discricionárias, justamente a de custeio e investimentos, que garantem o funcionamento da máquina e que o governo têm liberdade para cortar. As outras, como os pagamentos da Previdência e os salários dos servidores, são de pagamento obrigatório e representam cerca de 90% de todo o Orçamento.

Leia o post na integra no link abaixo

Orçamento de 2021 pode provocar “shutdown” na economia brasileira
Orçamento, visto por Guedes como ‘inexequível’, prevê que máquina pública funcione com metade do necessário para não haver paralisação

Marcadores

Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Ótimo! Agora, complete o checkout para ter o acesso completo.
Bem vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Sucesso! Sua conta está completamente ativada, agora você tem acesso completo ao conteúdo.