Petrobras e petroleiros chegam a acordo e greve na Repar é suspensa

Ações 20 de Abr de 2021

Foto: (Shutterstock)

A Petrobras (PETR3;PETR4) e petroleiros chegaram a um acordo e a greve na Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar), no Paraná, foi encerrada. A paralisação, que durou cinco dias, foi motivada pelo risco sanitário denunciado pelos empregados da unidade, que temiam o aumento de contaminação por covid-19 com o início do processo de manutenção da refinaria, iniciado há uma semana.

Segundo a Federação Única dos Petroleiros, a empresa terá que permitir visitas técnicas periódicas nas instalações, divulgar boletins epidemiológicos da unidade e se reunir semanalmente com o sindicato da região para tratar de assuntos da parada de manutenção.

Por outro lado, os empregados terão que compensar 75% das horas de movimento paredista no período de 12 meses. O restante (25%) será descontado da remuneração do mês.

Leia na íntegra em:

Petrobras e petroleiros chegam a acordo e greve na Repar é suspensa
A principal reivindicação do movimento era a suspensão dos trabalhos de parada de manutenção na Repar

Marcadores

Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Ótimo! Agora, complete o checkout para ter o acesso completo.
Bem vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Sucesso! Sua conta está completamente ativada, agora você tem acesso completo ao conteúdo.