Por que as ações da Soma caíram 10% após fusão com a Hering e o que esperar dos negócios combinados?

Fusões 27 de Abr de 2021

Foto: Unsplash

SÃO PAULO – Em menos de uma quinzena, diversas reviravoltas ocorreram no setor de varejo de moda, bastante impactado pela pandemia e que tem se envolvido em diversas operações de fusões e aquisições. No dia 14 de abril, a Cia. Hering (HGTX3) recusou a proposta para incorporar seus negócios aos da Arezzo (ARZZ3) avaliada em R$ 3,2 bilhões. Já nesta segunda-feira (26), a companhia surpreendeu o mercado e aceitou a oferta feita pelo Grupo Soma (SOMA3) em uma operação de R$ 5,1 bilhões, ou um valor 59% maior.

A operação será feita da seguinte forma: cada acionista da companhia Hering irá receber – após dez dias úteis contados do fechamento da operação – R$ 9,630957 em dinheiro, a ser pago à vista, em parcela única, além de 1,63 ação ordinária de emissão do Grupo Soma, dono da Farm e da Animale. Considerando a cotação do último fechamento da Soma, a transação avalia a ação HGTX3 em cerca de R$ 32,54, 90% acima do valor das ações da Hering antes de ser revelada a oferta feita pela Arezzo.

Leia o post na integra no link abaixo

Por que as ações da Soma caíram 10% após fusão com a Hering e o que esperar dos negócios combinados?
Ações da Soma chegaram a cair mais de 11% na mínima do dia após anúncio da fusão com Hering; veja o que esperar daqui para a frente

Marcadores

Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Ótimo! Agora, complete o checkout para ter o acesso completo.
Bem vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Sucesso! Sua conta está completamente ativada, agora você tem acesso completo ao conteúdo.